ÚLTIMAS NOTÍCIAS

quarta-feira, 14 de novembro de 2018


Ceará perde de virada para o Bahia na Fonte Nova

Em duelo direto na luta contra o rebaixamento, o Ceará levou a pior. Apesar de ter saído na frente no placar, o Alvinegro sofreu gol nos acréscimos do segundo tempo e perdeu para o Bahia por 2 a 1, na Fonte Nova, e pode terminar a 34ª rodada do Campeonato Brasileiro na zona de rebaixamento.

O Vovô voltará ao Z-4 caso a Chapecoense vença o Botafogo, nesta quinta-feira, 15, às 16 horas (horário de Fortaleza).

O Ceará volta a campo na próxima segunda-feira, 19, para enfrentar o Fluminense, às 19 horas (horário de Fortaleza), no Maracanã.

O JOGO

O Ceará se comportou bem nos primeiros 20 minutos, com organização, compactação defensiva e boa disposição tática. Prova disso é que no primeiro ataque, o Alvinegro chegou ao gol.

Aos 7 minutos, Samuel Xavier recebeu excelente lançamento de Ricardinho e cruzou na medida para Calyson empurrar pro gol.

Acontece que após o gol marcado, o Alvinegro recuou demais e foi bastante passivo a pressão imposta pelo Bahia, que no primeiro tempo teve muito mais posse de bola (64% x 36%) e finalizou mais (13 x 3). Tamanha pressão resultou no empate do time da casa.

Aos 43 minutos, Elton cruzou na medida para Zé Rafael subir nas costas de Samuel Xavier e, de cabeça, mandar para as redes.

Na sequência o Ceará encaixou um raro contra-ataque, em que Arthur foi lançado por Everson e finalizou para defesa do goleiro Douglas.

Apesar de não ter conseguido o gol, o lance mostrou que, após o empate, o Alvinegro precisaria voltar para a segunda etapa com maior disposição ofensiva. Mas isso não aconteceu.

O Alvinegro apenas se defendeu e simplesmente abdicou de atacar, enquanto o Bahia pressionou em busca do gol e foi coroado aos 47 minutos do 2º tempo, com gol de letra do atacante Edigar Junio.

André Almeida
https://www.opovo.com.br


Coluna do Mais Querido 14/11/2018

O crescimento em campo do Ricardinho (foto) se deu na hora certa. Sem os meias Wescley e Juninho Quixadá, a aposta do Lisca recaiu sobre ele. Outro jogador que mostrou que pode ser muito útil nesta reta final é o Cardona. Ele tem entrado nos últimos jogos e mostrado um bom desempenho.

O retorno dos atletas Wescley e Juninho Quixadá, segundo o Departamento Médico do clube, está previsto para a última partida do campeonato. Até lá espera-se que o Ceará já tenha garantido sua permanência. Não será em uma única partida que eles resolverão o problema alvinegro.

O Ceará realizou o último treinamento em Salvador no CT do Vitória. A prática se deu de portões fechados para torcedor e imprensa. Pelas entrevistas, o Lisca deixou claro que não utilizará Tiago Alves e nem o Felipe Jonatan. Valdo e João Lucas serão seus substitutos.

Lisca também deixou explícito que não poderá fazer muitas mudanças. Primeiro porque joga fora de casa, segundo porque a equipe do Bahia é muito forte e terceiro porque o time precisa pontuar para poder se afastar das equipes que estão no seu encalço. Prudência e caldo de galinha nunca fez mal a ninguém.

O torcedor alvinegro que for a Salvador assistir ao jogo do vozão, poderá adquirir o seu ingresso na bilheteria do estádio a partir das 10h. O bilhete para o visitante custa R$ 100,00 (Inteira) e R$ 50,00 (meia). A previsão é de casa cheia. O torcedor baiano também é fanático.

O árbitro paulista Raphael Claus apitará a partida entre Bahia e Ceará. O Ceará jogou duas vezes neste campeonato com este árbitro no comando. Venceu o Flamengo por 1x0 no Maracanã em setembro e empatou com o Botafogo por 0x0 no Castelão, no mês de outubro.

Escrita por Edimar Monteiro

terça-feira, 13 de novembro de 2018


Coluna do Mais Querido 13/11/2018

Uma bela vitória alvinegra fora dos gramados. O Departamento Jurídico alvinegro atuou com eficiência e conseguiu absolver o auxiliar técnico Márcio Hann. Lisca por ter sido mais atrevido recebeu a punição de um jogo, que já foi cumprida no jogo contra o Cruzeiro.

A defesa alvinegra foi feita pelo advogado Jamilson Veras na tarde desta segunda-feira, 12/11. Pelo relato do árbitro na súmula do jogo, calculava-se que o Lisca pegaria um gancho de três a quatro partidas. O Ceará Sporting foi apenado com uma multa pecuniária de R$ 1.500,00.

Lisca já acenou que vai poupar alguns jogadores para a partida contra o Bahia. Os jogadores têm se doado demais e o desgaste físico está muito grande. Confirmado apenas a entrada do lateral João Lucas no lugar de Felipe Jonatan (foto). Poderá haver outras mudanças de ordem física.

A probabilidade do Tiago Alves jogar a partida contra o Bahia é remota. O atleta foi substituído no intervalo do jogo contra o Internacional. Não se sabe a gravidade da lesão, mas a previsão está sendo feita pelo curto espaço de tempo que ele tem para recuperação. Ele viajou com o grupo.

A Chapecoense venceu o Santos no Estádio do Pacaembu e voltou a lutar pela permanência na Série A. Dos dez times que estão na luta, três serão rebaixados para Série B juntamente com o Paraná. A cada rodada a situação se complica. Permanecerão aqueles que forem mais competentes.

Pela ordem de classificação, Fluminense, Bahia, Botafogo, Corinthians, Ceará, Vasco, Sport, Chapecoense, Vitória e América. Esses são as equipe que lutam desesperadamente para não serem rebaixados. A previsão de escapar chegou ao patamar dos 44 pontos. Que a terra lhes seja leve!

Escrita por Edimar Monteiro

segunda-feira, 12 de novembro de 2018


Coluna do Mais Querido 12/11/2018


Parabéns ao torcedor alvinegro pela festa que fez na Arena Castelão. Quem tem um trunfo deste não pode ser rebaixado nunca. Mais de quarenta mil fanáticos alvinegros empurrando o time. Lisca tem razão quando elogia a cada instante esta torcida apaixonada.

O empate de ontem não foi de todo ruim por causa dos outros resultados, que indiretamente ajudaram o Ceará a permanecer afastado da zona de degola. Poderia ter sido melhor se o ataque alvinegro não fosse tão afobado na hora de finalizar.

Ricardinho, criticado pelo torcedor, mas elogiado e prestigiado pelo Lisca, foi o herói da partida. Foi um batalhador incessante e para consagrar a boa atuação, ainda fez o gol do empate. Saiu de campo extenuado. O torcedor exigente precisa acreditar mais no atleta.

O retorno do Richardson deu outra vitalidade ao meio campo. Um guerreiro inconteste, raça e dinamismo a toda prova. Não tem como refutar que ele e Edinho dão uma consistência a este meio campo, que se supera a cada jogo. Por isso o torcedor não desiste nunca. Tem exemplos em campo.

Apesar de  Tiago Alves ser o Xerifão e titular absoluto da zaga alvinegra, não tem como negar que Valdo é um grande zagueiro. Desarma com perfeição, faz as antecipações sem cometer faltas e ainda dá sequência as jogadas. Lisca não pode reclamar da sua defesa. Cada um mais eficiente que o outro.

Agora só faltam cinco partidas. Bahia, Fluminense e Atlético/PR fora de casa, Paraná e Vasco dentro de casa. A boca do funil é estreita, mas a determinação dos jogadores alvinegros é muito larga. Eles vão lutar até o último minuto. E a torcida flamejante não vai abandonar nunca. É característica dela.

Escrita por Edimar Monteiro

domingo, 11 de novembro de 2018


Ceará e Internacional empatam em jogo emocionante

Uma partidaça para embalar o time nas cinco rodadas finais da Série A. Apesar de não sair com a vitória do Castelão, neste domingo, o Ceará fez uma apresentação de entrega e raça e garantiu um ponto com o empate de 1 a 1 diante do Internacional, vice-líder da competição.

Pelas circunstâncias do movimentado e acirrado confronto, com o Ceará saindo atrás no placar, indo buscar e pressionando o Colorado até o último minuto do jogo, o ponto conquistado merece ser valorizado.

Com o empate, a equipe mantém a 15ª posição, com 38 pontos, e segue a três pontos de vantagem para o primeiro clube dentro da Z4, o Vitória, que empatou com o Bahia no clássico baiano.

Leandro Damião, camisa 9 Colorado, foi responsável por balançar as redes dos donos da casa e calar a torcida presente no Castelão, ainda no início do 1º tempo, abrindo o placar.

O gol ocorreu num momento de cochilo do sistema defensivo do Vovô, que deixou o centroavante livre para chutar duas vezes seguidas para marcar.

O Ceará se mandou ao ataque em busca do empate e transformou o jogo num "toma lá, dá cá, com o Inter apostando em contragolpes rápidos. Richardson, Leandro Carvalho e Arthur criavam os melhores lances do Alvinegro.

Ricardinho, que assumiu a titularidade após a lesão de Juninho Quixadá, fazia uma péssima partida e prejudicava a armação do time. Mas o futebol é dinâmico e cheio de surpresas.

O meia, como um centroavante, apareceu dentro da área para empurrar para o fundos das redes passe de Arthur e empatar o jogo, explodindo o estádio. Os jogadores abraçaram o atleta e apontaram para ele, pedindo o apoio do torcedor.

Do banco, Lisca incitou a torcida, que foi à loucura e empurrou a equipe com euforia. Os donos da casa terminaram o 1º tempo em alta, enquanto os visitantes acuados.

No 2º tempo, a peleja seguiu aberta com perigos para os dois lados, dando tons dramáticos até o apito final. Nico López, flutuando no ataque Colorado, dava trabalho para a zaga do Vovô.

Lisca tentou virar o jogo colocando Cardona e Éder Luis em campo, mas placar permaneceu inalterado. O Ceará abusou das jogadas aéreas sem efetividade até o apito final.

O Vovô volta a campo contra o Bahia, na quarta-feira, em Salvador. Para se garantir fora da zona, o Alvinegro precisa de um empate. Com uma derrota, o time teria que torcer por tropeço do Vitória para o Sport.

Lucas Mota
https://www.opovo.com.br


Coluna do Mais Querido 11/11/2018


Logo mais estarão em campo os dois goleiros mais decisivos do brasileirão, conforme divulgou o site espião estatístico. Na primeira colocação está Marcelo Lomba, goleiro do internacional, e logo após aparece Éverson, o paredão alvinegra. O torcedor não pode perder este duelo de titãs.

Marcelo Lomba teve um aproveitamento de 66,7% enquanto que o Éverson teve um índice de 63,3%. O paredão fez 42 defesas difíceis e decisivas. Ocupando a terceira colocação está Danilo Fernandes, também do Internacional, com 63,2% de aproveitamento.

Para coroar a boa fase alvinegra, o volante Richardson conquistou a liderança de desarmes na Série A, segundo o site footstats. Foram 52 roubadas de bolas, sem contar com as 21 viradas de jogo, que é muito importante para se criar um contra-ataque.

O treinamento deste sábado em Porangabussu aproximou mais o torcedor dos atletas. Mais de mil torcedores estiveram presentes e aplaudindo. A simbiose está perfeita. O torcedor fazendo sua parte nas arquibancadas e os jogadores dando a resposta em campo.

E logo mais contra o Internacional não será diferente. Mais de vinte mil bilhetes vendidos é sinal de casa cheia na arena. Vamos mostrar aos gaúchos a força que o cearense tem. Vamos mostrar que o grande aqui dentro somos nós. Com uma vitória o caminho estará quase feito.

Nada tão bom quanto uma massagem no ego. Em uma emissora de TV, o treinador da Seleção Brasileira rasgou elogios ao trabalho feito pelo Ceará no returno do campeonato. Isso aumenta a responsabilidade dos jogadores mas também levanta a autoestima e ajuda a conquistar os objetivos.

Escrita por Edimar Monteiro

sábado, 10 de novembro de 2018


Coluna do Mais Querido 10/11/2018

Este sábado é dia do torcedor ver de perto seus ídolos e estes sentirem de perto o calor da torcida. O treinamento de hoje acontecerá no Estádio Vovozão e será de portões abertos, a partir das 9:30h. Será apenas um rachão descontraído para aliviar as tensões para o jogo de domingo.

A ideia do Lisca utilizar Cardona na vaga de Juninho Quixadá foi demolida pelas condições físicas precárias do atleta para disputar um jogo de tamanha envergadura. Será um jogo de doação incontida dos atletas. Ricardinho voltou a ser a bola da vez. Lisca pede paciência ao torcedor.

O torcedor alvinegro definitivamente resolveu lotar a Arena Castelão neste domingo. Abraçou a causa e está mostrando porque é a maior do estado do Ceará. Mais de 17 mil bilhetes já foram comercializados até o início da noite de ontem. A festa será completa.

A CBF divulgou o detalhamento das três últimas rodadas do Brasileirão. Assim ficaram definidas:

36ª RODADA
22/11 - Quarta-feira - 20h
Ceará x Paraná (Castelão)

37ª RODADA
25/11 - Domingo -16h
Atlético-PR x Ceará (Arena da Baixada)

38ª RODADA
02/12 - Domingo - 16h
Ceará x Vasco (Castelão)

A última rodada terá todos os jogos realizados simultaneamente. Todas as partidas terão início às 16h do dia 02/12, domingo. Dependendo dos resultados, o Ceará poderá fazer esse jogo contra o Vasco para cumprir tabela. A permanência na Série A poderá estar antecipadamente garantida.

“Desde o PV, o torcedor do Ceará tem nos apoiado. Essa pressão no Castelão passa uma intranquilidade ao adversário, apoio para os nossos jogadores, que se sentem acolhidos. Juntos, estamos acreditando muito. Jogar com 12 é bem melhor". Palavras do técnico Lisca.

Escrita por Edimar Monteiro

sexta-feira, 9 de novembro de 2018


Coluna do Mais Querido 09/11/2018

O Ceará fez um treinamento de portões fechados ontem à tarde na Arena Castelão. Lisca ainda tem dúvida sobre quem será o substituto do Juninho Quixadá. Ricardinho era o preferido, mas a sua  atuação apagada contra Sport o descredenciou. O meia Cardona será a bola da vez.

Quanto mais cedo os quarenta pontos chegarem, mas aliviados os jogadores e torcedores ficarão. Acima disso só o andar da carruagem dirá com quantos pontos não se rebaixa uma equipe. A estatística prediz que a pontuação variará entre 41 e 43 pontos.

As torcidas organizadas estão preparando uma festa para domingo. Está sendo confeccionado um mosaico na parte superior central do estádio e pedem aos torcedores que cheguem mais cedo para que a festa seja feita com a ajuda de todos e que o mosaico supere as expectativas.

A previsão do Blog foi que o retorno do meia Wescley se daria na última partida do campeonato. O médico alvinegro já se pronunciou e afirmou que o meia estará a disposição do treinador nas duas últimas rodadas, ou seja, contra o Atlético/PR fora e contra o Vasco/RJ em casa.

“Vai ser um jogo muito importante para o Ceará. Precisamos da vitória para continuarmos firmes nesta luta para fugir da zona de rebaixamento. Temos que fazer uma partida de muita intensidade para conquistarmos o triunfo”. Palavras do volante Richarsdon.

"No Castelão temos conseguido grandes resultados no returno. Nossa torcida deve comparecer em grande número contra o Internacional para nos incentivar e o apoio dela é muito importante, como tem sido em toda Série A". Palavras do lateral direito Samuel Xavier.

"Estamos num bom momento, jogando com intensidade, foco e muita concentração. Não podemos deixar isso cair, temos que nos manter em alta, porque nada está decidido e qualquer tropeço pode nos colocar de volta ao Z-4". Palavras do lateral esquerdo Felipe Jonatan.

Escrito por Edimar Monteiro

TABELAS

SÉRIE A
SÉRIE B

VALE A PENA VER DE NOVO

COLUNAS ANTERIORES

TUDO SOBRE O MAIS QUERIDO

ÁREA PUBLICITÁRIA

Copyright © Time mais querido™ is a registered trademark.

Designed by Templateism. Hosted on Blogger Platform.